quarta-feira, 8 de junho de 2011

Me COMPADEÇO dos Homossexuais, ODEIO a Homossexualidade e NÃO TEMO a PL 122


 Por Pr. Josafá Vasconcelos

 “Vendo ele as multidões, compadeceu-se delas, porque estavam aflitas e exaustas como ovelhas que não têm pastor.” Mateus 9:36
“…Não vos enganeis: nem impuros, nem idólatras, nem adúlteros, nem efeminados, nem sodomitas, ​nem ladrões, nem avarentos, nem bêbados, nem maldizentes, nem roubadores herdarão o reino de Deus. ​Tais fostes alguns de vós; mas vós vos lavastes, mas fostes santificados, mas fostes justificados em o nome do Senhor Jesus Cristo e no Espírito do nosso Deus.” 1 Coríntios 6:9-11
O Senhor Jesus, olhando para as multidões, diz o texto sagrado, se compadeceu delas porque as via como ovelhas que não têm pastor. Ele bem conhecia o seu estado de miséria por causa do pecado. Sofria ao ver milhares, cativos de Satanás, convulsionando ao chão, espumando, andando em meio aos sepulcros, ferindo-se com pedras, maltrapilhos, vendidos ao pecado, como a mulher pecadora apanhada em adultério, infelizes, escravizados ao pecado. Cristo, a imagem de Deus perfeita em contraste com a imagem de Deus desfigurada (em cada um desses pecadores)! É assim que vejo os homossexuais; pecadores como eu,  destituídos da glória de Deus, à mercê do diabo que os agrilhoa e faz deles o que quer. São infelizes, como eu era infeliz sem Cristo. Essas pessoas não estão preocupadas com o pecado do homossexualismo, ao praticá-lo, desejam apenas ser “felizes”. Elas foram convencidas pelo Maligno que isto é perfeitamente natural, uma opção legitima que lhes propicia grande satisfação, e por isso, ninguém, por preconceito, possui o direito de lhes coibir.
Ó como estão enganados, e, como gostaria de convencê-los disso! Porque sei que não são felizes, e a pecha que lhes atribuem, “gays” (alegres), não corresponde à realidade. Podem tentar mostrar sua alegria exteriormente, nas suas fantasias coloridas, pintadas com todas as cores do arco-íres,  mas, isso de nada adiantará, seus corações continuarão tristes. Esses pobres pecadores estão praticando uma relação que nunca fez parte dos planos de Deus, e usufruindo de uma paixão considerada por Ele como “infame (Rom. 1:26) Oro e choro por eles, porque, as conseqüências serão drásticas. Satanás não quer que eles saibam disto, mas Deus lhes admoesta ao avisar da “merecida punição do seu erro”(Rom 1:27), “o salário do pecado é a morte”!(Rom 6:23) Ronda-lhes o fantasma da AIDS e os terrores do inferno.
Gostaria tanto que os homossexuais soubessem que há esperança, que há solução e completa libertação em Cristo Jesus! Quando Paulo, o Apostolo, chegou em Corinto, uma cidade ímpia ao extremo, havia ali muitas prostituas, muitos homossexuais, chamados de sodomitas, havia um templo dedicado às orgias, idolatrias e superstições; o Diabo reinava tranquilamente. O apostolo sentindo-se intimidado diante de tal cenário foi orar, e o Senhor lhe disse: “[...] pregue não te cales, pois tenho muito povo nesta cidade…”(At. 18:9-10) e assim, depois de um trabalho árduo, mais tarde pode dizer:
“[...] nem impuros, nem idólatras, nem adúlteros, nem efeminados, nem sodomitas [...] herdarão o Reino de Deus. Tais fostes alguns de vós; mas vós vos lavastes, mas fostes santificados, mas fostes justificados, em o nome do Senhor Jesus Cristo e no Espírito do nosso Deus”.
Ó como gostaria de dizer a mesma coisa aos sodomitas e efeminados de hoje!
Odeio a homossexualidade! Esta prática maligna inventada por Satanás no mais profundo do inferno. Ela foi arquitetada por ele com o propósito de zombar de Deus e de sua obra perfeita, e para a desonra de homens  e mulheres. É uma prática vergonhosa, imunda, que escraviza, humilha e degrada a pessoa humana.  Não adianta lutar contra o preconceito que, infelizmente, existe nas pessoas, porque ele estará no íntimo de cada praticante; eles próprios se incriminam, marginalizam-se e punem-se a si mesmos. Os homossexuais se enganam ao pensar que assumindo publicamente a prática, se acharão livres, não estarão eles serão rechaçados pela própria consciência, que como verdugo os atormentará. Ó instrumento vil nas mão do sórdido impostor! Ó tridente infernal que atormenta estas pobres almas! Até quando não virá o Justo Juiz, para te julgar, trancafiando-te no teu próprio lugar de origem, juntamente com aquele que te engendrou? Quando deixarás para sempre de insultar a Deus e aviltar os homens? Te odeio homossexualidade vil!
Quem és tu PL122? Lei injusta, usurpadora da liberdade. Pretendes amordaçar os fieis, ameaçando-os de multa e prisão? Não sabes que os que amam a verdade de Deus não se intimidam? Eles já têm sobre si a sentença de morte; morreram com Cristo para este mundo, e a única coisa que desejam é viver para Deus. Nada deterá esses pregoeiros da justiça, nem os fará calar contra esta prática opressora de Satanás, que aflige essas pobres almas, as quais eles amam e  desejam que sejam livres através da denúncia contra tal pecado e pela proclamação do Evangelho de Cristo. Esta é a única esperança capaz de libertá-los da condenação eterna. Ó Fútil, ignóbil e imprestável lei, pensas que silenciarás os púlpitos? Invalidarás os blogs e sites dos arautos da verdade? Ainda que fizesses as próprias pedras clamariam, e nos cantos obscuros das masmorras estes homens de Deus, ainda lá estariam orando, consumidos de amor pela pobre alma de cada homossexual, para que seja livre, salva, lavada e santificada em o nome do Senhor Jesus.
 Fonte: grandemomento

10 comentários:

Netto disse...

Achei interessante essa explanação, isso é uma atitude de amor... enquanto a maioria das igrejas se preocupam em jogar na fogueira, poucos vêem o lado humano do homossexual, que é mais afetivo que carnal.

Anônimo disse...

HAHA sério, é impossível não rir com isso. Julgar "é pecado", pastor, lembre-se disso. Se "o céu" é um lugar cheio de pessoas como você, então não é um bom lugar para se estar. E se Deus é tão preconceituoso quanto todas essas pessoas que eu abomino, então não vejo porque segui-lo. Vocês religiosos nos fazem odiar a religião. Deveriam fazer o oposto, certo?

Claro que você não vai publicar isso, afinal, quem sou eu, uma mera "pecadora homossexual, escória da humanidade" perto de um "homem de Deus". HAHA Francamente, vocês me dão nojo.

Pr. Iranildo Medeiros disse...

Anônimo você realmente leu o texto? Se leu pelo seu comentário creio que não entendeu.Você tem todo o direito de discordar, mas se esconder por trás de um anonimato é no mínimo um ato de covardia.Se você acha que a bíblia que para mim é minha regra de fé esta errada quanto as praticas homossexuais,quem se mostra preconceituoso é você. Em momento algum no texto supracitado o autor faz comentários a pessoa do homossexual, mas sim suas práticas e sendo totalmente bíblico nisso. Todos os textos citados é a palavra, opinião, pensamento e decreto do próprio Deus. Assim se você a mim julga preconceituoso na verdade é a Deus que você esta julgando. Você pode né?! Na verdade, na verdade todos nós podemos e devemos julgar e isso é o que mais fazemos todos os dias. Mas há uma maneira correta de se fazer isso. Adivinha onde esta essa resposta? Na bíblia. Mateus 7:24 em I Coríntios 6: 2-3.

Termino aqui usando uma frase sua que é verdadeira" Afinal, quem sou eu, uma mera pecadora homossexual".

1 E, NAQUELES dias, apareceu João o Batista pregando no deserto da Judéia,
2 E dizendo: Arrependei-vos, porque é chegado o reino dos céus.
3 Porque este é o anunciado pelo profeta Isaías, que disse: Voz do que clama no deserto: Preparai o caminho do Senhor, Endireitai as suas veredas.
4 E este João tinha as suas vestes de pelos de camelo, e um cinto de couro em torno de seus lombos; e alimentava-se de gafanhotos e de mel silvestre.
5 Então ia ter com ele Jerusalém, e toda a Judéia, e toda a província adjacente ao Jordão;
6 E eram por ele batizados no rio Jordão, confessando os seus pecados.
7 E, vendo ele muitos dos fariseus e dos saduceus, que vinham ao seu batismo, dizia-lhes: Raça de víboras, quem vos ensinou a fugir da ira futura?
8 Produzi, pois, frutos dignos de arrependimento;
9 E não presumais, de vós mesmos, dizendo: Temos por pai a Abraão; porque eu vos digo que, mesmo destas pedras, Deus pode suscitar filhos a Abraão.
10 E também agora está posto o machado à raiz das árvores; toda a árvore, pois, que não produz bom fruto, é cortada e lançada no fogo(Mt 3:1-10).

ARREPENDA-SE ENQUANTO É TEMPO.

Em Cristo, pastor Iranildo Medeiros

Anônimo disse...

Quando disse essa frase, estava sendo irônica, espero que tenha notado. E não me escondo, apenas não tenho uma conta para postar. De qualquer forma, se há um deus que vê mal no amor, julgo-o mesmo. Podes não ter atacado uma pessoa, mas atacou quem comete a homossexualidade, ou seja, é a mesma coisa. Disse que odeia a homossexualidade, pois lhe digo, odeio qualquer um que odeie uma demostração pura de amor. Acredito que o modo como ama uma mulher não seja diferente do modo como amo minha namorada, pelo menos se você for uma pessoa decente com ela, como eu sei que sou.

"Odeio a homossexualidade! Esta prática maligna inventada por Satanás no mais profundo do inferno. Ela foi arquitetada por ele com o propósito de zombar de Deus e de sua obra perfeita, e para a desonra de homens e mulheres. É uma prática vergonhosa, imunda, que escraviza, humilha e degrada a pessoa humana."

Se isso não é preconceito, então me diga o que é.
Posso dizer com toda certeza, não é a religião ou o quão longe vão para seguir um deus que desconhecem que faz de vocês pessoas melhores. A única coisa que importa no final é nossa conciência, e sei que a minha está tranquila. Pode dizer o mesmo?

Desconheço a bíblia, pois para mim, é só mais um livro de leis criado pelos homens, mas sei que nela está escrito que todos somos iguais perante deus. Se é assim, não deveria julgar os homossexuais como inferiores a vocês.

Pr. Iranildo Medeiros disse...

Reitero meu comentário e acrescento que o maior preconceito se encontra em você mesma.O seu problema, assim como de todos os homossexuais é que se setem discriminados por não terem a aceitação da maioria das pessoas, as práticas apreciadas e vividas. Você mesma se coloca como inferior. Você mesma se vê assim. Você mesma se sente assim. Você mesma não se mostra segura nas práticas que vive. Se mostra totalmente insegura. Tenta de maneira desesperadora a aceitação de todos a sua maneira de viver como se todos se importassem com o que você quer fazer com sua vida. Odeio o roubo, odeio o adultério, odeio as drogas, odeio pedofilia, odeio homossexualidade. o ladrão, o adúltero, o drogado, o pedófilo não se sentem descriminados em suas práticas pelo contrario admitem que estão errados sem serem desrespeitosos com a BÍBLIA e com aqueles que nela acreditam diferente de vocês que acusam qualquer um homofóbico por discordar de suas práticas. Tudo isso são práticas abomináveis para Deus. E como você mesma disse "Desconheço a bíblia, pois para mim, é só mais um livro de leis criado pelos homens". Não penso assim. Acredito na bíblia como sendo a palavra de Deus. Você precisa acredita. Acredite ela é verdadeira.

Abra uma conta no Google e mostre sua segurança em defender sua prática homossexual e me permita mesmo não acreditando na bíblia a falar do quanto ela é necessária para todos nós. Não quero ser seu inimigo e sim seu amigo e quem sabe seu pastor.( Não entenda isso como arrogância)

Em Cristo, pastor Iranildo Medeiros

Anônimo disse...

Não estou insegura sobre nada e muito menos estou me inferiorizando. Tudo que disse nesse sentido, foi pura ironia. Eu não quero a aceitação de ninguém. Eu gosto do jeito que vivo, e para mim, isso basta. Você não nos conhece - aliás, não existe um "nós", já que a única coisa que os homossexuais tem em comum é a condição sexual.
Enfim, não adianta continuar discutindo... Não preciso que você aceite, apenas espero um pouco de respeito de sua parte e de todos "os seus".

Não querer isso para você é normal, da mesma forma que você gosta de religião e eu não, mas dizer que é uma "prática vergonhosa, imunda, que escraviza, humilha e degrada a pessoa humana." é outra bem diferente.

Anônimo disse...

Anonimo...
Dá para levar a serio alguem que acredita em Satanas e Jesus? Fala sério...em pleno seculo XXI,esse pastor acreditando em um livro de uma tribo xenofoba,assassina e estupradora de uns 2500 anos atrás...

Lucas disse...

Por favor, me digam que não li isso!
Não, ele realmente escreveu essa asneira, eita, e ainda mostrando passagens da bíblia e falando em satanás. Pessoal vamos acordar para a vida um pouquinho, a vida de vocês andam tão mal amada assim para querer "impor" algo a pessoas com base em um livro escrito por HOMENS e selecionado por um governo ? E não me venham com isso de pregar e passar a palavra divina, começam a cuidar mais da vida de vocês e deixem a do outro

Anônimo disse...

escrevendo tanto preconceito no mínimo deve ser vontade de alguma coisa e não ter coragem, afinal as pessoas se escondem atras de criticas!!! kkkkkkkk ridiculo.. talvez vc deve servir a algum outro Deus, porque o MEU Deus não abomina nem descrimina ninguem! meu Deus é afavor do AMOR, o qual fica claro que você não tem no coraçao! lamentável!

Pr. Iranildo Medeiros disse...

Anônimo corvadão. O seu deus só pode ser com D minúsculo mesmo.Quem mostra preconceito é você quando não assina seu nome e assumi ser gay. Além de gay covarde. Misericórdia.

Postar um comentário

Caro leitor,

(1)Reservo o direito de não públicar criticas negativas de "anônimos". Seja educado em seu comentário. Identifique-se. (2) Discordar não é problema. É solução, pois crescemos em aprendizado! Contudo, com bons modos. Sem palavrão! (3) Ofereça o seu ponto de vista, contudo, a única coisa que não aceitarei é esta doutrina barata do “não toque no ungido” do Senhor.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...